Audi A3

desde 1997 lançamento

Reparo e operação do carro



Audi A3
+ Instrução de manutenção
+ Partida atual e serviço
+ Motor
- Esfriar sistemas, aquecendo-se
   + Sistema de esfriamento de motor
   - Sistemas de ventilação, aquecimento e condicionamento aéreo
      Informação geral e medidas de segurança
      Remoção e instalação de ar deflectors
      Remoção e instalação de um bocal da região de pernas
      Remoção e instalação do aquecedor/substituição de passeio de uma lâmpada
      Remoção e instalação de fios do passeio de gestão de um aquecedor
      Remoção e instalação do torcedor de ar puro
      Remoção e instalação do resistor adicional
      Condicionador
      Remoção e instalação do compressor
      Diagnóstica do condicionador por códigos da exposição do bloco da sua gestão
+ Um sistema de provisão de poder e produção dos gases cumpridos
+ Equipamento elétrico de motor
+ Caixa manual de deslocamento de engrenagem
+ Câmbio automático e modelos com o passeio de quatro rodas
+ União e cabos de poder
+ Sistema de freios
+ Suporte de forma triangular de interrupção e direção
+ Corpo
+ Equipamento elétrico de bordo
+ Gráficos elétricos



Condicionador

INFORMAÇÃO GERAL

Tipo do condicionador

1 – caso de evaporador
2 – acoplador
3 – trança de arames do condicionador
4 – cobertura
5 – clipe de parafuso
6 – parafuso
7 – bocal da região de pernas
8 – união de barra
9 – motor elétrico do passeio da porta central
10 – união de barra
11 – motor elétrico do passeio da porta de temperatura
Com a alavanca preta
12 – motor elétrico do passeio da porta da área de pernas/descongelar de copos
13 – sensor de temperatura na saída em volta de pernas
14 – união de barra
15 – caixa de portas de um aquecedor
16 – trocador de calor de esfriar o líquido
17 – canal aéreo de descongelar-se de copos
18 – rolha
19 – consolidação

Princípio de operação do condicionador

O compressor de condicionador pelo bordo um cinto dá-se à rotação de um cabo de inclinação do motor. Cria a pressão a 30 barras em um contorno de esfriamento de instalação devido ao que o gás de representação de líquido refrigerante esquenta. No condensador o líquido refrigerante esfria-se com o ar que prossegue do lado de fora (o ar que esfria permanece no ambiente externo). Disso o líquido refrigerante aquecido condensa-se, transformando-se no líquido. Tendo grande pressão, passa-se por um regulador, por isso, as suas quedas de pressão. Depois que aquele líquido refrigerante evapora-se em um contorno, ao mesmo tempo fortemente esfriando-se. Em evaporador o líquido refrigerante seleciona o calor do ar levado por ele. Disso arejam esfria-se. O ar esfriado vem ao interior do carro. Em consequência do aquecimento em evaporador o líquido refrigerante transforma-se no gás e abaixo da pressão baixa vem ao compressor.